quarta-feira, 16 de março de 2011

O que se passa em Portugal?

O que se passa em Portugal? Passa-se que estamos a pagar a factura de apoiar a mediocridade e a mediania. Passa-se de estarmos a apoiar muitos elementos que vão para a política e, por consequência, para os cargos públicos para se governarem e não governar o bem público. Passa-se que vivemos em um país cujo lema é: "não levantar ondas", por consequência, um país onde impera a cobardia de tomar posição e defender valores e, daí o complexo de parecer "bota de elástico" ou "pouco fashion" por defender o que é português. Passa-se que estamos em um país onde se está a matar a maior riqueza interna, isto é, a produtividade nacional e o espírito de iniciativa empresarial dos portugueses. Passa-se que estamos em um pais que mais vale parecer do que ser; mais vale parecer "muito bem" do que assumir-se "remediado" (O que vão dizer os outros? comenta-se dentro de quatro paredes). Passa-se que estamos em um país sem estratégia e rumo, governa-se para hoje, amanhã serão problemas para outros resolverem. Então o que se passa em Portugal? Portugal não tem quem o saiba governar e conduzir. Portugal precisa quem o ame e o queira levantar. Portugal tem que ser dirigido por quem não precise dele mas dele necessite. Portugal tem futuro e o futuro é de quem nele acredita.

4 comentários:

Paulo Novais disse...

Grande Gonçalo.
Não podias ter melhor estreia.
Depois da forma com expuseste e explanaste a questão, nada que diga fará sentido. Porque o sentido está todo no que escreveste. Da forma que escreveste.

Ao teu nível.
Bom passeios aqui na rua.

Raquel disse...

A minha resposta :
Em Portugal "passa-se " tudo , não se faz é nada . é isso que "se passa "em Portugal.
Um dia os portugueses "passam-se", mas é só de boca , porque na verdade , e bem lá no fundo da questão , não se "passa" nada !

A minha ideia , era vir aqui dar as boas vindas ao novo blogger da Rua e dizer-lhe que isto é um vicio terrível e faz muito mal à saúde pense muito bem antes de continuar a postar :)

Paulo: diga-lhe que "sou da casa" e que não me leve a sério :P

Paulo Novais disse...

Pois.
A Raquel está para a rua como a beleza para a vida.
Pois a vida é bela.

Bj

Nuno disse...

«Que se passa?»

Estamos a passar uma violenta crise - a maoir desde 1929, na Economia.

A crise tem várias dimensões:

1. a de valores - a mais grave - depois do desencanto com o Maio de 68 e numa de relativismo agudo;

2. a portuguesa.
Muito da responsabilidade do PS (mas não só, também dos líderes de opinião, jornais, televisões,...). Lembro que ao PS foi dada uma maioria absoluta em 2005. O PS podia ter feito tudo. Fez quase tudo mal!

3. a internacional (em especial, por causa da especulação americana).

«Portugal tem futuro e o futuro é de quem nele acredita.»
É tempo de irmos a eleições e termos um novo governo.

Estou optimista.