sexta-feira, 11 de fevereiro de 2011

Hoje sou bloquista (mas só hoje)

Num país de meias tintas, hoje sinto a obrigação de dizer: Obrigado Louçã!

8 comentários:

Marta Ferreira disse...

Só posso lamentar...

Paulo Novais disse...

Livra!!!
Harre diabo.
"Vade retro Satanás"!

E não digas a ninguém, hoje mas só hoje, que somos família.

Rui Moreira disse...

Marta, acredito que lamentes, se apoias este governo. eu não apoio e acho que este governo já merece censura há muito tempo. Assim, sendo, "só posso lamentar" que, por força do calendário eleitoral, isto venha com meio ano de atraso.

joao disse...

sinceramente isto para mim foi tudo jogada concertada em o BE e o PS.....

então o BE apresenta a moção e o Sócrates atira-se que nem um cão raivoso ao PSD???? quando todos os seus principais elementos se mostraram contra esta moção ....
podem dizer que é teoria da conspiração, mas aquela moção cheira muito a esturro ..... já agora quantas moções já não foram apresentadas e que nunca tiveram direito a tanta cobertura por parte dos midia ...... huuum spooky

Paulo Novais disse...

Eu concordo com o João.
Cheira a merda (o João teve a simpatia de não usar a palavra certa) que tomba, como dizemos no Minho.

Senão vejamos.
Dois ou três dias antes "Loucinhas" vociferava contra a moção do PCP, que era o que a direita queria, etc, etc.
De repente tudo se alterou para o bloco. E de um "não" absoluto e firme, passaram a um "sim", mas daqui a 30 dias.
Acho que vou dar razão ao Ramiro e que isto foi "trama" e uma moção de confiança encapotada ao governo, sendo que entretanto o BE fica com o protagonismo e antecipa-se ao PCP relegando-o assim para segundo plano.
Quem sabe não são ainda os restos dos arranjos da campanha presidencial?
Afinal, que amigos que eles foram!!!

Marta Ferreira disse...

Precisamente! Ainda abalados com o facto de não terem conseguido atingir os seus objectivos de assalto ao poder por recurso à colagem ao candidato apoiado pelo PS, o BE sentiu essa necessidade de, por um lado, se demarcar do partido do poder e, por outro, tentar vencer uma birrinha ali mais à esquerda com o PCP.
Daí a ideia genial da Moção de censura que, a bem da verdade, só traz prejuízo ao país, vai funcionar exactamente de forma inversa, e até ridiculariza esse instrumento tão importante...
Como viram que poderiam estar a abrir as portas à direita, deram a volta ao texto e já nem sabem muito bem o querem... Formar governo com o PS??

joao disse...

certamente vão andar os dois muito juntos quando em 2012 o PSD formar governo, digo 2012 porque aposto que o próximo orçamento não vai passar ... ficaram os dois muito mal na fotografia, o bloco com uma moção a brincar e PS com um líder que parecia um cão enraivecido, parece que a inteligência e a moderação na esquerda anda pelos "velhotes" do PCP .....

Paulo Novais disse...

hehe
Gostei dessa dos velhotes do PCP.

Só me parece um pouco impossível que alguma vez o PS e BE governem juntos.
Não que o PS não venha a precisar muito em breve. Não que o BE não esteja mortinho por contribuir para arruinar definitivamente o país.
Mas porque acho que negociações para uma aliança de governo com os esquizofrénicos do BE nunca teria um fim. Porque conseguem ser tão irracionais e tão extremados que nem um José Sócrates no seu melhor lhe arrancaria um sorriso que fosse, quanto mais um acordo.
Aliás, Sócrates jamais se colocará numa situação de liderança que não seja absoluta e omnipotente. Assim como um pequenito Mubarak.